Dado Dolabella + mulheres X homem comum de bem

| 7 comments
por Silvio Koerich
Backup do blog do Silvio por Soldado

Eu vou aproveitar o meu post de quarta pra te mostrar algo que gosto sempre de falar: primeiro que a mulher é toda valentona, eskrota, estúpida, metida a santa, fodona feminista moderna quando se trata de um bom homem honesto mediano comum e segundo que a minha lei que está caindo na boca do povo dos homens é: 20% dos homens comem 80% das mulheres.

E nada melhor pra comprovar estas minhas leis e a canalhice feminina atual do que usar como exemplo Dado Dolabella.

Dado é um cara folgado, metido a gostosão, marrento, playbo do Rio de Janeiro, ator sem nenhum brilhantismo, arrogante, baladeiro, nenhum talento em especial. Dado já foi acusado 2 VEZES de violência doméstica. Não vou entrar no mérito se ele tem culpa ou não.

Em teoria Dado deveria ser odiado pelas mulheres. As feministas e as mulheres modernosas diriam que um cara com uma descrição dessas é um merda que não merece nada.

NÃO SEU IMBECIL. Dado pega geral. Em qualquer balada que ele vá, há relatos que ele passa o rodo e pega várias mulheres que adoram beijá-lo e fazer sexo casual. Não tem uma balada que Dado não leve uma cretina pra cama.

Ultimamente ele foi acusado de violência doméstica com Viviane Sarahyba, da qual ele casou e teve filho logo após ganhar 1 MILHÃO DE REAIS no programa “A fazenda”.

Algum matrixiano cretino e burróide ou mulheres hipocritas imbecis com peitos com bicos grandes feiosos diria "Nossa é a segunda vez que se envolve com merdas de violência doméstica, primeiro com Luana Piovani e segundo com a esposa, ele é um cara eskroto, ele está acabado mesmo”. Pois olhem a imagem abaixo.

Este é Dado pegando Yasmin. Onde? Ora, em Búzios. Dado foi pra Búzios após as merdas com a mulher com algumas “amigas”. Querem ver a farra?


Vejam Dado cercado de gostosas coxudas de nível universitário e classe média alta/rica. “Mas Silvio.. Como pode ele é um arrogante, vazio, falastrão, folgado, acusado de violencia doméstica 2 VEZES?? Como pode?”.

Dado com 2 gostosas saindo da balada em Búzios. Ele está pegando a da direita.

É muito simples de responder seu FILHA DA PUTA. As mulheres adoram arrotar que querem caras bonzinhos, respeitadores, legais, gente fina, que nao precisam de grana de macho, que querem ser tratadas bem e não sei o que.

Isso é o famoso discurso oficial feminino. É TUDO MENTIRA PORRA. Karalho eu quero que tu acorde pra vida seu animal doutrinado de mulher, eu chegay ao meu ponto: Elas mentem pra ti a todo momento e te rejeitam porque tu és apenas um homem mediano comum de bem e NADA DÁ MAIS NOJO pra elas do que um homem comum.

Pare de acreditar no que elas falam. Elas querem DADOS DOLABELLAS DA VIDA. Elas dão gostoso casualmente e se declaram e sofrem por falastrões, playboys, eskrotões que só falam merda e amenidades, caras que dão emoção, que tem poder, fama, grana, que tão pouco se cagando pra que elas acham e fazem valer o que eles kerem. Não adianta sonhar com mulheres exceções, não adianta achar que alguma irá gostar de ti pelo teu jeito bondoso, “gente fina”, que trata bem. Elas CAGAM na cabeça de caras assim e dão sexo casual louco pros DADOS DOLABELLAS DA VIDA.

ESQUEÇA o amor romântico, o discurso oficial feminino (matrix), e de que elas “amam e gostam” de homens. ELAS ODEIAM os homens, elas querem apenas emoções dadas por homens falastrões e arrogantes como Dado. Vejam só o que a guria que ele tá pegando falou do DADO:

“Dado é um homem gentil e atencioso.”

 VIRAM?? Quando o cara é fodão, falastrão, famoso, com grana, elas TROCAM as características deles por coisas “bonitinhas e legais” pra justificar o porque estarem com um cara daquele tipo! Não é que ela QUER um homem gentil e atencioso. Um homem mediano comum de bem sendo “gentil e atencioso” garante gostosas loucas por ele? NÃO!!!!! NÃO GARANTE SEU ANIMAL DE TETA! Viu como elas são hipócritas!!

Saia da MATRIX agora. Mude sua vida. Saia da prisão do que elas falam. Tente começar a ser mais falastrão, tirar sarro delas, esfregar na cara tua grana, ser marrento. Não é pra mudar tua personalidade é só pra tu ver o efeito que causa nelas ser “PIOR”.

Aqui minha frase pra fechar meu tópico pra tu colocar na cabeça e pensar o dia inteiro:

“Elas premiam os PIORES com sexo casual gostoso de primeira, declarações e noites quentes. Elas punem os bons com exigências insanas, rejeições maldosas e feminismo autoritário. Na lida com elas, quem tu preferirás ser?”

OBS: Eu não odeio nem não gosto do Dado. Pra mim eu digo “longa vida a Dado”. Cada mulher que Dado pega e leva pra cama é um tapa na cara nas feministas idiotas e nas mulheres modernas com seu discursinho safado. Cada bombada sexual de Dado numa mulher representa que os homens irão ligar os pontos e ver que há algo de muito errado no que ele é obrigado a passar com as mulheres modernas. Mulher moderna essa que abre as pernas pro Dado com facilidade e justifica com palavras imbecis românticas, mas depois reclamam que todos os homens são eskrotos, merecem ir pra prisão, são violentos, rudes, defende feminismo etc. ACORDEM!

7 comments

Anônimo 23 de julho de 2012 21:42

Outro caso parecido, mas não envolvendo gente famosa, é visto em todas as periferias de cidades grandes brasileiras. A maioria dos homens de lá é como a maioria daqueles de quaisquer classes sociais: trabalhadores, honestos e extraindo seus ganhos exclusivamente daquilo que recebem em seus empregos ou pequenos negócios.
Quem conhecer um pouco que seja desses ambientes sabe que eles são completamente invisíveis para as mulheres de lá, que olharão mais empolgadamente para bandidos locais, que nunca terão problema para pegar alguma de sua vizinhança (e de fora também). Até poderá pegar alguma garota de lá, mas algo esporádico e correndo o risco de ser trocado pelo primeiro marginal que jogar letra. Eele sabe que mulher de bandido é sacrossanta e não se deve sequer olhar, sob risco de amanhecer com a boca cheia de formigas.

Aalgum desses invisíveis tem alguma cabeça e resolve estudar e se capacitar. Chega à faculdade e, se perigar, vai para mestrado e doutorado. Pode enfrentar a invisibilidade no ambiente acadêmico, mas acostumado que está com isso, chega a jogar em cima e capitaliza um pouco com a ignorância que o povo lhe dispensa. Porém, como em qualquer outra situação, haverá gente que não o invisibiliza e vê nele uma pessoa, não o simples rótulo de periférico.
Tão capacitado quanto qualquer um com teoricamente mais chances que ele, começa a extrair os dividendos de sua capacitação. Por um acaso, nos lugares que passa a frequentar (algo natural de acontecer), conhece alguma garota e pode chegar a namorá-la. Obviamente que irá levá-la para conhecer seus pais lá na periferia.

Subitamente, deixa de ser invisível e considerado otário para as locais que o desprezavam. Passa a ser acusado de renegar suas raízes e de ter se bandeado para a primeira burguesinha interesseira. Porém, está mais do que claro que as maledicentes têm tanto ou mais interesse do que aquela a quem acusam. Por quê? Porque ele agora demonstra possuir recursos suficientes para cuidar de uma prole e até mesmo de filhos que não seriam dele, como é a situação em que muitas dessas que o acusam poderá estar.
Porém, o rapaz não irá mais cogitar aquelas que o desprezavam. Ao conhecer outros ambientes, ele também abriu mais seus horizontes e não mais consegue se prender à estreiteza do passado. Irá querer estar em ambientes que reflitam esse novo horizonte, até por se sentir confortável neles. Os anos e mais anos de rejeição até por suas iguais talharam-lhe uma resistência à indiferença que seus colegas de classe mais elevada poderão não exibir (salvo se alvos preferenciais de chacota em sua vida escolar).

Ao voltar para onde estava, passa a olhar aquilo em que estava com os olhos de quem conhece o mundo fora da caverna de Platão e o quanto que aquelas sombras que outrora eram tudo lhe parecem apenas sombras. Porém, quem estava na caverna insiste em querer que ele continue vendo sombras.
E, claro, esse nosso personagem também terá consigo o sentimento de honra e reciprocidade. Se as garotas que o desprezavam antes o querem hoje, por que irá querer se envolver com elas só depois de ter se construído enquanto elas se destruíam?

Ele não se esqueceu suas raízes, até porque ajudava seus pais no que podia, até por eles o terem ajudado a estudar. Apenas se vacinou contra o desprezo e notou as nuances que fazem alguém ser ou não desprezado. E notou também as escolhas acertadas ou equivocadas daqueles que o cercaram. Alguns preferiram ser bandido para atrair um monte de mulher, e talvez até atraiam mais mulheres que o rapaz esforçado, mas ele não está nem aí pois prefere saber que pode andar em qualquer lugar sem temer. Outros preferiram ficar se sacrificando em empregos de baixo gabarito só para ter um dinheiro para atrair uns poucos olhares das locais e agora colhem os frutos do baixo investimento. Todos vivem ou viveram condições mais ou menos parecidas, mas cada um resolveu seguir um caminho e nem é preciso dizer quem desses três tipos de rapazes de origem humilde hoje tem mais autonomia em suas escolhas.

Soldado | 24 de julho de 2012 22:21

Interessante esse comentário acima.

Anônimo 28 de agosto de 2012 00:03

viva dado, vivo o comentario acima.

Fernando oliveira da silva | 12 de fevereiro de 2013 20:30

É muito foda os textos do Silvio Koerich,poxa soldado eu conheci a real quando já tinha ocorrido a polemica do Silvio e não tive a oportunidade de conhecer o seu blog é muito massa a forma que ele se expressa,queria saber se vc conhece algum site onde eu possa ter acesso a todos os posts publicados por Silvio Koerich.

Soldado | 14 de fevereiro de 2013 13:34

Fernando,

Conheço um site com todos os posts publicados pelo Silvio Koerich.

Este aqui, que você está agora.

http://www.mediafire.com/?b0y581zbi2aprwi
http://www.mediafire.com/?p6pohrm971h9wj1

Anônimo 6 de abril de 2013 16:48

o texto e muito verdadeiro.estou perplexo...viva a luz da realidade, vou tentar salvar o maximo q possivel dos amigos da matrix...graças a real ja estou questionado tudo interiormente que e dito por mulheres, pela midia,pela sociedade...parei de programas de tv publica imbecis, como novelas globais q so servem para vendar os olhos das pessoas impedindo o esclarecimento da realidade.

pedro Oliveira | 11 de abril de 2013 17:39

cara, eu sou estudante da UnB e no meu primeiro semestre, em 2012, rolou uma tensão sobre "ataques terrosristas"(kkkkkkk) o que me fez ficar com um pé atrás em relação à qualquer post sobre o Silvio e até sobre o machismo esclarecido. Um dia desses eu vi uma postagem sobre a REAL VERDADEIRA e a qualidade dos posts do Sílvio. Hoje eu vejo o tanto que são verdadeiros esses ensinamentos e que se encaixam com a realidade. Já fui muito pisado e sofri muita filha-da-putagem por ai e sei o que é ser um homem médio e estou focando em mim para me desenvolver, não por elas, por mim. Não acredito que a real seja focada em se desenvolver pra "pegar mulher", elas não merecem isso.

Postar um comentário